Buscar
  • CEFFA Saúde

Você sente dor nos pés? Já ouviu falar sobre fascite plantar?

A fascite plantar é a principal causa de procura por tratamento para dor nos pés, acometendo mais de 10% da população em geral e afetando tanto pessoas que praticam atividades físicas quanto sedentários.


Os principais sinais e sintomas associados ao diagnóstico de fascite plantar são: - dor na região plantar e interna do calcanhar, principalmente nos primeiros passos do dia; - dor que se espalha pela planta do pé.

Diversos fatores de risco são descritos na literatura científica para o desenvolvimento deste problema, entre eles: - corredores de rua; - calçados inadequados; - alterações estruturais do pé; - alterações de mobilidade; - alterações do padrão de movimento e absorção de impacto; - índice de massa corporal (IMC) elevado.


O diagnóstico de fascite plantar baseia-se nos achados clínicos e pode ser complementado pela imagem da ultrassonografia que, em grande parte dos casos, constata um espessamento da fáscia plantar.

O tratamento adequado para esta condição deve levar em consideração todos os fatores de riscos presentes, uma minuciosa avaliação dos movimentos corporais (como a caminhada, corrida, agachamento, apoio unipodal e etc), além da mobilidade das articulações do pé e das articulações adjacentes, a fim de encontrar onde está havendo modificação do padrão normal de movimento que pode estar gerando uma maior sobrecarga da região plantar.

As abordagens de tratamento mais eficazes da fisioterapia, que vêm sendo confirmadas pelos estudos científicos mais recentes, incluem a terapia manual, alongamentos, tapping nigth splints e palmilhas, enquanto observa-se que abordagens tradicionalmente utilizadas, como eletroterapia, apresentam baixo grau de recomendação nos estudos.

Outras abordagens de tratamento que são encontradas na literatura para o alívio da fascite plantar incluem a terapia por ondas de choque, que nos estudos de melhor qualidade metodológica não apresentam resultados superiores aos encontrados pela abordagem fisioterapêutica, a injeção de corticosteroide que possui evidências limitadas sobre seu uso e possíveis efeitos adversos associados, e a Acupuntura que não possui efeitos adversos associados.

No CEFFA Saúde você encontrará fisioterapeutas altamente capacitados em avaliar distúrbios do pé e auxiliá-lo a encontrar a melhor forma de tratamento para o seu caso nesta árdua caminhada para alívio da dor.


Dr. Renato Fragozo

6 visualizações

Siga

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • Branca ícone do YouTube

​© 2019 por CEFFA Saúde. 

recepcao.ceffa@gmail.com